Everything You Should Know

ABOUT HAIR EXTENSIONS

Why we Por que não temos um “Taper Long” ( O que isto quer dizer)

Na indústria do cabelo "TAPER" refere-se à diferença de comprimento entre a raiz e as pontas dos cabelos individuais que compõem uma extensão. É sabido que na indústria, quanto mais curto for o cabelo, menos valor tem. E cabelo “LONG TAPER” (Grande percentagem de cabelos curtos) são de menor valor do que o cabelo “SHORT TAPER” (Baixa percentagem de cabelos curtos presente). É lógico, portanto, que extensões com uma elevada percentagem de cabelo curto e pontas duplas, são de menor valor do que extensões compostas por uma baixa percentagem de cabelo curto. A desvantagem de extensões com uma elevada percentagem de cabelos curtos e de ter pontas duplas, é que a cliente fica com uma grande quantidade de volume na raiz e sem massa de cabelo no meio e pontas, devido à presença de fios de cabelo curto. Em resumo seria necessárias mais extensões para atingir a plenitude do trabalho desejado, por favor, consulte o link do vídeo >

LONG TAPER

LONG TAPER

COM UM LONG TAPER TODO O VOLUME ESTÁ NA PARTE SUPERIOR DA EXTENSÂO. PARA A PARTE INFERIOR A EXTENSÃO COMEÇA MUITO FINA, CRIANDO UM OLHAR INDESEJÁVEL.

MINIMAL TAPER

MINIMAL TAPER

OS FIOS DE CABELO GOLD FEVER SÃO GROSSOS E LUXUOSOS, DESDE A RAIZ ATÉ ÀS PONTAS.

Why we Por que não extensões com um único fio de cabelo de pontas duplas (o que isto quer dizer)

“Single Drawn Hair”, é simplesmente a extensão que contém muitos de comprimentos de cabelo que é totalmente o oposto de cabelo “Double Drawn Hair ( é o tipo de cabelo GOLD FEVER, com um processo manual especializado, foi retirado todo o cabelo curto e suas pontas duplas). O cabelo SINGLE DRAWN HAIR, estamos a referir ao cabelo que necessariamente não foi cortado de um dador e poderia incluir cabelo escovado recolhido de pessoas forçadas a vendê-lo em aldeias pobres (mais sobre isso mencionado em Remis - Não se deixe enganar "). Ele inclui os cabelos individuais de todos os comprimentos uma vez que contêm os cabelos que estão a crescer, só por isso no mesmo dador temos cabelo com vários tamanhos. Este cabelo é facilmente identificado, pelo facto de a espessura de o cabelo na raiz seria substancialmente maior do que a espessura nas pontas. Este cabelo é consideravelmente barato e menos adequado para extensões de cabelo de qualidade, como é o cabelo Double Drawn Hair. Gold Fever utiliza apenas o cabelo Double Drawn Hair, depois de ter eliminado o intermediário é capaz de oferecer-lhe o cabelo a preços ainda inferiores aos oferecidos por outros. Salões são muitas vezes intencionalmente mal informados, pelos seus fornecedores, que o cabelo Single Drawn Hair, é de qualidade e de templos, mas isso é totalmente o oposto da realidade. Por favor, consulte o link do vídeo

LONG TAPER

SINGLE DRAWN HAIR

CONTENDO GRANDES QUANTIDADES DE CABELO QUE É MAIS CURTO QUE AQUELE QUE É PUBLICADO. O SINGLE DRAWN HAIR NÃO PODE PRODUZIR UM EFEITO DE VOLUME INTEIRO DA RAIZ ATÉ ÀS PONTA.

MINIMAL TAPER

DOUBLE DRAWN HAIR

PRATICAMENTE TODO O CABELO NA CABEÇA É DO MESMO COMPRIMENTO. ISTO SIGNIFICA QUE O VOLUME NO TOPO DA COLUNA É O MESMO QUE NO FUNDO. CRIANDO UM EFEITO DE VOLUME EQUILIBRADO DA RAIZ ATÉ ÀS PONTAS, EM UM SERVIÇO DE EXTENSÃO DE QUALIDADE

Why we Porque não usamos cabelo Europeu (Espanhol/Russo)



Cabelo europeu da Rússia e do Norte, é dominado por loiro e geneticamente muito fino, não muito recomendado para transformar em extensões, enquanto que o cabelo do sul da Itália ou Espanha era mais adequado tanto no volume como no comprimento para um serviço de extensão do cabelo.


Para acrescentar a isto, o cabelo de recolhido nos mercados acima referidos, tenderia a ser comprado de pessoas que são forçados a vendê-lo. Isso seria incompatível com a filosofia e qualidade da Gold Fever.

“Espanhol & Cabelo Europeu” – Um mito atual

As coisas mudaram muito nos últimos anos com a internet e o fenômeno de uma sociedade conduzida por celebridades. As pessoas já não estão dispostos a cortar e doar seu cabelo como nos velhos tempos, uma vez que todo mundo quer se parecer com a mais recente celebridade ostentando longos ou volumosos cabelos. Portanto, o mito de grandes quantidades de cabelo espanhol ou europeu estar disponível para extensões de cabelo é falso. Pode-se imaginar as filas de meninas ou mulheres europeias que se alinham prontas para vender seu cabelo, por coincidência com o comprimento, a cor certa e nas quantidades que seriam necessárias para fornecer, até mesmo uma quantidade mínima de salões de beleza de uma forma contínua?


A única fonte de cabelo, viável e consistente, compatível com as necessidades de uma mulher caucasiana é o cabelo da Índia e este cabelo é dividido em duas categorias. A primeira categoria é a da mais alta qualidade possível, é o cabelo Ritual indiano, cortado de fiéis dispostos a doar o seu cabelo em um gesto de fé e que estão plenamente conscientes de que o cabelo vai ser posteriormente utilizado no mundo ocidental no fabrico de perucas e extensões de cabelo. Eles sabem que o dinheiro que os Templos recebem em troca do cabelo doado a seus deuses, será reintroduzido em benefício da sua sociedade, para fins de caridade. Isto foi documentado por jornalistas, relatórios de investigação e de televisão e é um fato indiscutível. A segunda categoria é mencionada no "Por que não usamos cabelo indiano escovado."

Remis – Não se deixe enganar

Leia sobre REMIS Verdadeiro em Acerca de - Gold Fever Hair). Infelizmente na indústria do cabelo a palavra REMIS ou REMY é muitas vezes usado de forma inadequada e para fazer propaganda a cabelo escovado barato, que está disponível em grandes quantidades, em aldeias de toda a Índia e em países do Terceiro Mundo, mas só para parecer exótico e de boa qualidade. Na realidade este cabelo escovado é, literalmente, o cabelo caído que milhões de mulheres recolhem ao escovar, esses cabelos são colocados de lado à espera de alguém que o venha comprar. Naturalmente, não há a certeza que este cabelo pode ter toda a sua cutícula alinhada na mesma direção, portanto, tem de ser submetido a banhos de ácido, a fim de remover a cutícula inteiramente com a finalidade de tentar eliminar o enrolamento e esteiras subsequentes.
Imagine o esparguete de diferentes diâmetros que foi colocado numa cozedura em água e durante o mesmo período de tempo. O esparguete fino, ficaria bem cozido e grosso, mal cosido. Podemos comparar isso com o que acontece quando esse cabelo escovado, é colocado em banhos ácidos. Sendo de uma enorme variedade de diâmetros, uma grande percentagem de o cabelo vai ficar fortemente danificado pelos banhos de ácido. Considerando que uma grande percentagem acabaria não ter a sua cutícula totalmente removida.
Uma vez fora dos banhos de ácido o cabelo teria perdido muito peso e, logo que o cabelo é vendido ao peso e tamanho os compradores têm de compensar esta perda, submetendo o cabelo a um banho de silicone. Inicialmente, este vai ficar brilhante (mesmo que apenas um brilho artificial) e que seja suave ao toque, mas como a cliente final, ao lava-lo algumas vezes o silicone é sai, e ai começam os problemas.
Quando o silicone sai expondo a cutícula que não foi totalmente removida no banho de ácido e não está toda virada para a mesma direção o cabelo vai rapidamente tornar-se cada vez mais seco e ficará extremamente fraco. Este tipo cabelo escovado é atualmente muito usado no mercado de extensões do cabelo e ainda é passado para a cliente final como sendo cabelo REMIS.
O cliente irá perguntar por que o cabelo está tão bom no dia de sua aplicação E APÓS ALGUMAS SEMANAS COMEÇA a aparecer os problemas descritos acima. A culpa é, muitas vezes, apontada ao salão de beleza, mas o problema de fato deriva da qualidade do cabelo que foi adquirido na origem.

Porque não usamos cabelo Indiano escovado

No mercado secundário da Índia usa-se cabelo indiano escovado, que já foi referido em nosso site. Isto foi recolhido a partir de alguém que escova o cabelo diariamente, para que este seja recolhido periodicamente e pago. Como mencionado neste site, este tipo de cabelo não é de qualidade, nem é acompanhado no seu processo e também devido, aos banhos necessários de ácidos para tentar remover a cutícula, acaba por não ser um padrão adequado, quando se procura umas extensões de alta qualidade.

Porque não usamos cabelo Chinês

Cabelo chinês não é adequado, por ser um cabelo grosso e pesado, não é compatível com o cabelo da mulher Europeia. Quando se tem como objetivo, umas extensões de alta qualidade.

Queratina – Entenda o que você está sendo dito

A Queratina é normalmente usado para descrever a substância com a qual as extensões são unidas ao cabelo. Ela foi adotada por um grande número de empresas que erradamente associam esta palavra como sendo uma a substância que faz parte do cabelo humano. A queratina é extraída de cabelo humano e amplamente usada em produtos cosméticos. No entanto, a extração de queratina e sua transformação em agente de ligação é um procedimento técnico e extremamente difícil de conseguir e de preço muito elevado.
Em 1991, pioneiro em toda a indústria de extensão do cabelo, patenteou o primeiro e único verdadeiro agente de ligação KERATIN . Um agente de ligação constituído por extrato QUERATINA real, era extremamente caro de produzir, mas conseguiu que a extensão de cabelo aplicada ficasse firmemente no lugar devido à sua compatibilidade molecular com o cabelo no qual ele está sendo aplicado. O enorme sucesso comercial que resultou dessa invenção levou o mercado a aplicar erradamente o nome KERATIN para todos os tipos de substâncias, a partir de ceras simples para colas e até mesmo em alguns casos, nada mais do que super-colas utilizadas para prender o cabelo em cabelo da cliente . Ceras e colas comuns ou adesivos, feitos de polímeros co-poliéster e utilizados pela maioria das empresas de extensão do cabelo. Não tem nada em comum com a queratina, nem com o cabelo que está sendo unido , como é frequentemente , suportar apenas uma algumas lavagens antes de cair ou produzir uma grande quantidade de derramamento.
Gold Fever™ em colaboração com os próprios cientistas que formularam o primeiro agente de ligação KERATIN há tantos anos, já criamos um novo agente de ligação para uma nova era, com as nossas uniões de PROTEINA GOLD FEVER ™ como explicado aqui >

O que realmente significa “ Mau Lote”?

Fornecedores muitas vezes, usam a desculpa para salões que recebem cabelo sub-padrão, como o cabelo vindo de "maus lotes". Isto deve ser considerado inaceitável pelos salões, pelas seguintes razões.

  1. O comprador dos cabelos na fonte deve saber exatamente o que está a comprar e deve ter a experiência necessária para distinguir entre o que é bom e o que é cabelo mau. Isso também pode ter implicações na qualidade.
  2. O distribuidor que recebe tal cabelo do fabricante deve reconhecer imediatamente que o cabelo é sub-padrão e por isso não há desculpa para ele ser enviado para os salões de beleza. Este cabelo deve ser substituído por outro cabelo de qualidade, uma vez que está nas mãos do seu fornecedor que comprou e processou este cabelo baixa qualidade em primeiro lugar.
Para resumir, o fabricante e o processador do cabelo tem uma enorme responsabilidade para se certificar de que é comprado com ao mais alto padrão de origem Indiana. A responsabilidade do distribuidor é reconhecer e estabelecer o que está a receber e, portanto, recusar fornecer qualquer coisa que não atende aos critérios de qualidade prometidos.
Gold Fever, possui e controla a sua própria cadeia de abastecimento e é o que se passa com o nosso historial, estamos excecionalmente bem posicionados para garantir que o cabelo origem Indiano, da mais alta qualidade, é fornecido aos nossos salões . Por isso, nunca terá de se referir ao cabelo vindo de um assim, chamado "lote ruim".

Esta é a nossa promessa para você.

Por favor, consulte o nosso – Gold Fever Certificado Indiano

Follow us

Follow us

Lorem ipsum dolor sit amet, consetetur sadipscing elitr, sed diam nonumy eirmod.